Os documentos definitivos estão sendo entregues aos proprietários cadastrados no Programa de Regularização Fundiária do município

O prefeito de Moema/MG, Julvan Rezende Araújo Lacerda, iniciou a entrega das escrituras dos imóveis cadastrados no Programa de Regularização Fundiária.

De acordo com o prefeito, nesta etapa do programa, 203 imóveis foram inscritos para receber o título definitivo. “Já entregamos os títulos da área denominada Rua B, e a documentação dos demais imóveis inscritos já está concluída. Em breve, todos os proprietários cadastrados receberão o documento definitivo e passarão a ser donos de fato e de direito de seus imóveis”, anuncia o prefeito.

Situado no Alto São Francisco, região norte do estado de Minas Gerais, o município de Moema possui cerca de 8 mil habitantes e 500 imóveis a serem regularizados. “Há 20 anos que venho tentando regularizar minha casa e não conseguia, por falta de condições, a vida difícil. Esta mesma alegria que estou sentindo agora, eu espero que outras famílias possam sentir também”, comemora Maria de Lourdes, moradora da Rua B, uma das beneficiárias do programa, que recebeu o título nesta semana.

Gustavo Campos, diretor de Geoprocessamento da Legaliza Brasil, diz que é uma alegria ver as pessoas realizando o sonho de terem seus imóveis registrados.  “Fico imensamente feliz e sinto uma gratidão enorme em ver as pessoas realizando seu sonho, que é o direito de propriedade de sua própria casa. Não se trata apenas de vender um serviço, mas de ajudar a realizar sonhos, de garantir a segurança jurídica a cada um dos beneficiários”, avalia.

Segundo Gustavo Campos, os proprietários que possuem imóveis em situação irregular, ainda podem se cadastrar no programa. “Para orientar os proprietários interessados em inscrever seus imóveis, a Legaliza Brasil mantém um plantão de atendimento no município. O atendimento pode ser agendado pelo telefone: (38) 99956-0210”, explica.

De acordo com o diretor, todos os atendimentos são feitos por agendamento prévio, evitando aglomeração e adotando todas as medidas de higiene e segurança para prevenção do contágio pela COVID-19.