Escrituras dos 600 imóveis cadastrados já foram registradas em Cartório e estão prontas para serem entregues aos proprietários

A semana se encerra com uma boa notícia para os moradores de Guarinhatã, no Triângulo Mineiro, que se cadastraram no projeto de Regularização Fundiária do município, e aguardam com expectativa receber a escritura definitiva dos seus imóveis.

Nesta sexta-feira (13/11), a Legaliza Brasil, empresa responsável pela execução do projeto, recebeu do Cartório de Registro de Imóveis de Ituiutaba as escrituras devidamente registradas, referentes aos imóveis dos bairros Adalardo Muniz Borges, Adonias João de Araújo, Nova Era, Centro-Mundo Novo e Centro I, totalizando 600 imóveis.

Ewerton Giovanni, diretor-geral da Legaliza Brasil, destaca que o projeto é uma ação inédita no município, viabilizada pelo Decreto Municipal 107/2019, e que, mesmo diante das dificuldades e restrições decorrentes da pandemia de coronavírus (Covid-19), a empresa conseguiu cumprir todas as etapas do processo e agora está com toda a documentação aprovada pela Prefeitura e devidamente registrada em Cartório, pronta para ser entregue aos proprietários beneficiados.

“Estamos vivendo um momento crítico, que afetou todos os setores. Felizmente contamos com a dedicação e competência da equipe técnica da Legaliza Brasil, a parceria dos oficiais do Cartório, e a confiança da Prefeitura de Gurinhatã e dos cidadãos que se cadastraram no projeto, e agora estamos com tudo pronto para realizar o grande sonho de famílias que aguardam há décadas em ter o documento definitivo de sua moradia. Só temos a agradecer pela oportunidade e pela confiança”, ressalta.

ENTREGA DAS ESCRITURAS
Giovanni explica que devido ao período eleitoral, que restringe a participação do prefeito em eventos públicos, a entrega das escrituras aos proprietários será feita a partir da próxima semana, após o encerramento do processo eleitoral no município. “A Prefeitura vai entrar em contato com os proprietários para orientar em relação aos procedimentos para recebimento dos documentos, inclusive sobre as medidas preventivas devido à pandemia, seguindo os protocolos dos órgãos de saúde”, completa.

A Legaliza Brasil também mantém um plantão de atendimento aos cidadãos, para mais informações e orientações, pelo telefone (61) 99913-8827 (falar com o supervisor Hugo).